Médico empreendedor: veja 5 dicas para ter uma carreira brilhante!

3 minutos para ler

Ser um médico empreendedor vem sendo um grande diferencial dos profissionais que se destacam no cenário da medicina atual. Embora as faculdades de medicina não preparem seus alunos para o empreendedorismo, o médico tem várias características de grandes empreendedores, como a resiliência, as habilidades de pesquisa e a capacidade de lidar com incertezas.

Por isso, conheça nossas dicas e invista em suas competências empreendedoras para ter uma carreira de destaque na medicina. Acompanhe!

1. Entenda sobre gestão de clínicas

O médico empreendedor não pode se abster de gerenciar sua clínica. Ainda que possa contar com uma equipe administrativa, é preciso ter uma boa noção sobre as finanças, entendendo conceitos básicos como fluxo de caixa, taxas e impostos, além de conhecer bem seus custos e lucros.

Desenvolver habilidades para gerir pessoas, manter o consultório organizado e dominar novas tecnologias também é essencial.

2. Tenha noções de mercado

Uma clínica ou consultório médico é um negócio como outro qualquer e, portanto, precisa ser sustentável. Para isso, é crucial conhecer o mercado no qual está inserido. Acompanhar as tendências e demandas é a melhor forma de enxergar as melhores oportunidades de negócio, fazendo as alterações necessárias no próprio empreendimento.

Nesse sentido, é importante conhecer todos os processos da clínica, e não apenas os que envolvem a prática da medicina. Afinal, a experiência do cliente começa muito antes da consulta.

3. Conheça sua concorrência

O mercado atual é altamente competitivo, e isso não é diferente na área da saúde. Pacientes são antes de tudo clientes cada vez mais exigente e antenados. Mais do que nunca é preciso saber se diferenciar para se destacar.

Não há como fazer isso sem conhecer a concorrência. Não se trata de copiar, mas de identificar os pontos fracos e fortes do atendimento prestado no seu consultório. A partir dessa análise, é possível definir que diferenciais a sua estratégia de marketing deve explorar, bem como onde é preciso inovar.

4. Foque na satisfação dos clientes

A propaganda boca a boca é uma das mais efetivas quando se trata de encher a sala de espera de um médico. Assim, para obter reconhecimento e fazer o seu nome no mercado, é preciso pensar da satisfação dos clientes, e assim fidelizar pacientes.

Além de retornar ao consultório, pacientes satisfeitos com o tratamento recebido recomendam os seus serviços, tornando-os divulgadores da sua marca. Não se esqueça de oferecer um atendimento humanizado, desde o agendamento até o pós-consulta.

5. Invista em divulgação

Outra grande característica de um bom empreendedor é a capacidade de divulgar o seu negócio. Embora o marketing médico deva respeitar certas limitações éticas e legais, ele precisa ser feito.

A presença nos meios digitais é indispensável. Além de colocar o seu consultório no mapa virtual, é a chance de estreitar a relação médico-paciente e de construir sua autoridade na internet. Investir no marketing de conteúdo, por exemplo, é uma ótima estratégia, já que saúde é um dos assuntos mais pesquisados online.

Ser um médico empreendedor demanda esforço, mas traz grandes vantagens, como a possibilidade de se destacar no mercado, investindo naquilo que realmente acredita, além de controlar a própria agenda e estabelecer o valor do seu trabalho.

Agora que você já sabe como se aventurar no empreendedorismo, que tal aprender um pouco mais sobre o controle de estoque para clínicas? Boa leitura!

Posts relacionados

Deixe um comentário